Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \04\UTC 2012

Brasil Séc. XXI

Trabalhadores, Pobres, Desempregados, Classe C D e E, Continuam Sendo Moedas de Troca e Sem Representação!!!

 

Hoje quis escrever sobre uma reflexão que costumo fazer mas não externo em boas conversas, infelizmente onde moro hoje conheço pouquíssimas pessoas que possam levar este tipo de conversa, e meus amigos que poderiam me ajudar a aprender mais sobre estas questões, estão morando muito longe.

A maioria populacional de quase todos os países é formada por pobres, uns mais e outros menos pobres (enquadro dentro de pobre também os miseráveis), desde a antiguidade estes mesmos não tinham direito a voz, então eram destratados e não precisavam de qualquer explicação sobre atos das pessoas que os representavam.

Ser cidadão não era pra qualquer um, era um status dado as pessoas que tinham um certo poder dentro da sociedade onde se encontravam, intelectual, religioso, e com muita certeza, de propriedades, o resto era resto, neste contexto de resto estavam também as mulheres.

Caso um cidadão não olhasse por estas pessoas, nada os favorecia.

De forma menos técnica, quem não tinha poder não tinha voz.

Na Idade Média, a religião Cristã havia se propagado de forma intensa pela Europa e estendia seus braços para outros continentes.

A época também conhecida como Idade das Trevas, excluía totalmente aquele que não fosse nobre, tivesse um título de nobreza, ou que não fosse clérigo.

Desta maneira, eram poucas as chances de poder escapar de uma miséria forte e insalubre, como na época, para os que nasceram camponeses, ou virava um grande soldado de guerra e conquistava um título de cavaleiro ou tentava o sacerdócio nos mosteiros.

Quando nas estúpidas “guerras santas”, os camponeses eram sempre jogados a frente, para servirem de escudo para cavaleiros e clérigos. Camponês conseguir um título de cavaleiro era algo muito difícil.

Em suma, passados os anos, a plebe com o apoio da burguesia, que tinha interesse em poder prosperar, começaram a ter acesso a novas idéias, idéias além daquele Deus opressor, cruel, hitlerista, muito devido ao estudo dado aos filhos burgueses, surgindo assim iluministas e pouco antes o apoio a Reforma Protestante, com a intenção clara de poder acumular seus ganhos.

Várias revoluções e revoltas ocorreram, a maior e fundamental para nossa História Mundial foi a Revolução Francesa.

Cabeças rolaram literalmente, e começou a se discutir os Direitos Humanos, ali os pobres estavam sendo pensados, estavam podendo, em termos, opinar.

Junto a Revolução Industrial a a migração da população para os centros urbanos, a pobreza se mostrou de forma mais parecida com o que vemos hoje.

Mendicância, marginalização, ébrios, os empregados já tinham jornadas de trabalho extensivas, sem idade mínima ou máxima para fazer qualquer tipo de trabalho. Sem períodos de descanso, sem proteções para o trabalhador.

Iniciou-se então movimentos pelos direitos dos trabalhadores e movimentos de distribuição igualitária de renda para todos (Socialismo e Comunismo).

Os trabalhadores começaram aos movimentos de greve, foram espancados, presos, marginalizados e perseguidos.

Por sua representação de maioria física, ganharam espaços, ganharam guerras, conquistaram direitos.

Grandes lideres trabalhadores se formaram, as idéias em favor aos trabalhadores começaram a ser mais desenvolvidas, e desta forma, interpretadas em várias correntes doutrinárias.

Ocorre que, onde estes Lideres dos pobres conseguiram chegar ao poder, cumpriram a risca todos os passos dos porcos de A Revolução dos Bichos de George Orwell (se referindo a obra União Soviética Comunista como sátira). Em a Revolução dos Bichos, os animais de uma fazenda, cansados de serem explorados, mal tratados e sem alimentação, resolvem se rebelar, usando como base os ensinamentos de um porco idoso que reclamava por justiça, depois de tomarem o poder, já o porco idoso morto, eles criam um governo de bichos, e neste governo quem manda é um porco mais novo, ajudados por seus amigos também porcos, que passado algum tempo começam a explorar o trabalho dos outros animais para enriquecerem, criando um novo ciclo de exploração aos animais.

No Brasil a coisa não anda muito diferente, os direitos de organização dos trabalhadores no Brasil, bem como benefícios trabalhistas, foram dados apenas e tão somente como forma de controle desta massa, com o intuito de segurar uma revolução interna.

Depois com a mudança de rumo da governabilidade no Brasil através da Ditadura Militar, os trabalhadores do país, junto aos estudantes e intelectuais ligados as massas foram as ruas lutar por direito a voz e de decisão do rumo do país.

Culminou na desistência dos militares de continuarem o regime graças a grande pressão internacional.

Pobres, miseráveis, desempregados, trabalhadores brasileiros começaram a ter voz e direito ao voto direto por suas lideranças, agora de fato, e os grandes nomes da luta contra o regime opressor começaram a ter estes votos a seu favor. Conseguiram prefeituras, cadeiras de vereadores, de deputados, senadores, passaram a administrar cidades com base em um ideal de justiça social, de honestidade, e conseguiram muito apoio por pregar o mal caratismo do rico em detrimento ao pobre.

Então todos os tipos que não pertenciam a high Society brasileira começaram a perder a desconfiança dos governos populares e se uniram em nomes que representavam esta luta pela justiça social.

 Estes nomes chegaram as presidências, aos governos de estados e notou-se que os trabalhadores e pobres ganharam alguma coisa, mas do que antes, menos que o esperado.

A pior parte é que os mesmo estão vendo ocorrer novamente a concretização de A Revolução dos Bichos.

Seus representantes escolhidos para governar o país e os estados da federação, que têm a mesma origem pobre e trabalhadora, agora priorizam negociações com grandes empresários, negociações escusas, desviam dinheiro de contribuições obrigatórias de todos os brasileiros para seus interesses partidários, se enriquecem a custa do voto nas idéias que foram deixadas para trás.

Infelizmente a massa trabalhadora, pobre e desempregada só serve como garantia de boa vida para aqueles que um dia fizeram parte da mesma.

O PODER CORROMPE!!!

 

Anúncios

Read Full Post »