Feeds:
Posts
Comentários

Na boa, não que eu concorde com todos os pontos de vistas dos caras, porém, faz muito tempo que eu não vejo uma discussão pura, não engessada, discussão que falta hoje nas faculdades, que fogem de polêmicas, querem que vc se forme logo e depois volte para fazer as pós-graduações.

Veja esta discussão, depois discorde, concorde, mas faça alguma coisa, pois toda esta merda de esquerda, de direita de centro direita esta aí porque todo mundo que ser “Luciano Huck”, politicamente correto, todo mundo gosta de todo mundo, todo mundo é da paz, enquanto isto os ratos agem embaixo do assoalho.

A merda esta aí, mas todo mundo gasta rios de dinheiro com perfume francês (made in China).

E eu não estou querendo fazer discurso anti-esquerda, na boa, nem direita nem esquerda, mas sim governo voltado a resolver os problemas da população.

Trabalhei numa rede de supermercados, e esta rede começou a trabalhar 24 horas, e para conseguir isto, era época de Copa, o sindicato autorizou o funcionamento sem questionar, pouco antes um amigo de trabalho me mostrou dois integrantes do sindicato pegando uma TV enorme.

Esta tudo corrompido, sindicatos não fazem nada que vá contra o partido de seus líderes.

Itapema é um exemplo, eles são do PSDB, ou simpatizantes, quando estava lá o PT, movimentaram pra que saísse o Plano de Carreira, pois o professor de Itapema é CLTista, só pode tirar uma licença prêmio apóis cinco anos de trabalho, em Balneário Camboriú, cidade ao lado, o professor tem direito ao mesmo benefício de 3 em três anos. Resumindo, fizeram greve, foram esculachados na Câmara Municipal de Itapema inclusive com cenas de deboche pelo Professor Vieira (PT), os professores conseguiram aumento salarial, porém nada de Plano de Carreira, agora o PSDB tem a prefeitura, não existe Plano de Carreira ainda, porém o sindicato agora fica calado.

Uma coisa é certa, professor de Itapema não vai pra rua, é muito passivo, depende demais que tenha um grupo de liderança para que saia a rua, fora que todo governo municipal dá cargos de confiança para vários professores, o que enfraquece qualquer movimentação, graças a isto existem pouquíssimas vagas efetivas para concurso, pois o ACT é uma boa parte de cabos eleitorais de qualquer prefeitura, esquerda, direita, centro, marciana, etc…

Mas não é uma situação de carência, nas ações de protestos, apenas de Itapema, é de todo brasileiro em qualquer área, na educação, na segurança pública, nas classes operárias, os pequenos comerciantes e por ai vai.

As manifestações que ocorreram no país apresentaram algo interessante.

Eram manifestações de pessoas que estavam indignadas com a violência da polícia contra os estudantes em São Paulo, e depois se juntou esta indignação com os vários motivos de nojo que o país tem de aguentar há tempos.

Você houve que o SUS é uma maravilha pelo Governo, e quem não sabe que é uma merda? Os USA e todo o exterior, tanto que as manifestações espantaram os jornais no exterior, eles achavam que estava tudo uma beleza aqui, se espantaram.

Logo veio o Governo rotular as manifestações como uma indignação da classe média, cara, NA FAVELA O CARA NÃO PODE SE MANIFESTAR CONTRA QUEM MANDA LÁ!

Foi lançado até um videozinho pela esquerda querendo explicar qual a diferença dos pedidos das manifestações de direita e de esquerda, babaquice pura, com aquele linguajar para jardim de infância.

A direita fala merda demais, usam argumentos idiotas, qualquer governo de ditadura que o país venha a ter, com certeza me armarei contra, roubarei bancos, mas derrubarei qualquer ditadura, não aceito coleira, seja esquerda, seja direta, ditadura é ditadura.

Quem lê jornal, pelo menos deveriam ler, por pior que os jornais estejam hoje, acompanha que GREVE é desrespeitada hoje, inclusive pelo Poder Judiciário, que dá cota, que decide se pode ou não parar, um absurdo que ninguém comenta, e o Governo que esta aí nasceu nas greves e é este que usa do Poder Judiciário para usurpar este direito dos trabalhadores.

Dentro das propostas levantadas nas ruas de Reforma Política, a mais interessante pra mim era a candidatura independente, sem partido, nem foi discutida nesta mini reforma.

Faz tempo que só faço comentários menores, mas hoje assistindo o hangout do Lobão, Olavo Carvalho e Danilo Gentilli me inspirei novamente.

Discordo do Danilo e do Olavo em alguns pontos da forma que foram, mas a discussão e o nível dela é muito boa.

Bem, espero que algum dia possam haver novamente debates livres sobre estes temas.

Segue link abaixo, boa noite!

http://www.lobaoentrevista.blogspot.com.br/2013/10/lobao-e-olavo-recebem-danilo-gentilli.html

 

Anúncios

Clarisse

 

Ela tinha 14 anos, bem criada e amada pelos pais, mais bonita não se via, cabelos lisos louros, uma cor loura original, em extinção, pois hoje, a grande maioria, ou melhor, uma esmagadora maioria, se passa por louras de farmácia. Seus cabelos eram lindos, chegavam até um palmo abaixo do meio da linha das costas, olhos cor de mel, não tinha olhos claros, como se faz critério de beleza hoje, seus olhos de mel davam uma beleza ainda mais rara, pele alva, traços finos e bem definidos, boca levemente carnuda de tom avermelhado, ela era um pouco mais altas que as meninas de sua idade, não eram nada incomuns as vezes em que perguntavam a ela se praticava esportes como vôlei ou basquete.

Clarisse era uma garota muito alegre, contagiante, todos se sentiam felizes ao seu lado. Estava ela se preparando para as comemorações de seu aniversário, seu pai já preparava a grande festa, ela decidiu um baile de arromba, em vez de uma viagem com as amigas, ele alegrou-se quando ouviu isto, e tratou de fazer a festa sem medir esforços.

Seu pai era um homem muito bem considerado na cidade, cidade pacata, tinha cerca de uns 30 mil habitantes, ele era o munícipe mais respeitado, se alguém quisesse ser prefeito na cidade ou conseguir algo na política, tinha de passar por seu aval, os candidatos a deputado da região iam sempre visitá-lo para terem ganho de moral na cidade e redondezas. O senhor Eustáquio, era seu nome, herdou fortuna de seu pai, que herdou de seu avô, avô este que era o dono de quase todas as terras de onde foi criada a cidade, então ficou Eustáquio herdeiro único, pois não tinha irmãos, ele era dono do jornal da cidade, da rádio, de duas padarias e de um salão de eventos, o mais chique da cidade, fora as fazendas, cavalos, gado, típico de homem rico de cidade interiorana, teve ele dois filhos, um chamou-se Roberto, quando nasceu foi o grande orgulho do pai, ele escolheu seu próprio nome, sim, escolheu, seu pai escreveu dois nomes, num papel escreveu Roberto e no outro escreveu Carlos, na ocasião a criança chorava sem parar, ele chegou perto da criança e lhe mostrou o primeiro nome, apontou aquela folha de sulfite escrito Roberto, com um canetão vermelho, a criança arregalou os olhos para o papel e parou de chorar, o pai mostrou depois outro com o nome Carlos, e a criança voltou a chorar, ficou assim registrado Roberto.

Roberto já tinha 6 anos quando nasceu sua irmã, ele não gostou muito, ficava enciumado, coisa de irmão mais velho, mas quando cresceu, era ele a cuidar da irmã, não deixava nenhum rapaz se engraçar com ela, era seu protetor, o garoto era meio arrogante na escola, diziam, mas ninguém duvidava do amor que tinha pela irmã, e da tamanha proteção que dava.

Não podemos esquecer de Dona Sueli, mãe de Clarisse, uma mulher que, quando jovem, era a mais bela da cidade, ganhava todos os concursos de beleza de sua cidade e sempre era ela a garota propaganda da festa anual de agropecuária que lá acontecia, era muito pobre, mas, por ser tão linda, não podiam passar em branco as vistas do então jovem Eustáquio. Casou-se com ele, dizem que “de barriga”, Sueli era uma felicidade só em sua juventude, mas ultimamente tinha apenas um olhar triste e distante, era como se estivesse doente, Eustáquio se lamentava pelos bares dizendo que sua mulher virou uma mulher que sofre de depressão, mas ela sempre tinha os cuidados atentos e carinhosos de Clarisse.

Clarisse sempre estava lá cuidando de sua mãe, abrindo as cortinas de seu quarto nas manhãs, fazendo piadas para lhe alegrar, fazia de tudo esta menina para sua mãe.

Neste dia fazia Clarisse 15 anos, acordou com um belo café da manhã, com visitas de suas amigas, ela era só sorrisos, e ria de tudo, ria de tudo mesmo, se não fosse por ela ser bem criada e bem acompanhada em sua criação por seus pais, poderia se dizer que ela estava drogada, nem suas amigas lembram de terem visto ela tão feliz e abobada assim.

Ela passou o dia todo com a companhia de suas amigas, foram ao clube, nadaram, comeram no restaurante da Associação dos Desportos, beberam batidas de coco e conversaram sobre as várias histórias de suas infâncias em comum.

Clarisse passou em casa, disse que iria se arrumar para seu baile na casa de uma amiga e se foi.

Já era noite, o salão de festas da família estava um luxo só, decoração básica de baile de quinze anos, porém com bem mais glamour, tudo estava perfeito, as pessoas mais importantes da cidade e cidades vizinhas foram à festa, chegava estar lotada de tanta gente, todos esperavam ansiosamente pela chegada de Clarisse. Já demorava mesmo, sua família já estava preocupada, seu pai mesmo mandou seus empregados procurá-la.

Quando todos já começavam a cochichar sobre o que poderia ter acontecido com Clarisse, viram um vulto coberto de capa preta chegando junto ao dj da festa, o dj mostra uma cara de pavor e lhe entrega um microfone, desliga a música sertaneja brega que tocava e deixa a mesa de som, se afastando. Cai a capa e as pessoas olham impressionadas para uma garota sem nada de cabelos, olhos vermelhos com uma coloração negra, como uma sombra mal passada e borrada, mas não era uma coloração provocada artificialmente, a menina vestia um vestido rosa, todo sujo, rasgado e pequeno para seu corpo, o vestido deixava um de seus seios a mostra, dava para se ver que o tecido estava com bastante sangue seco, olhando bem para a menina, todos, depois do impacto, notaram que aquela era Clarisse, quase irreconhecível, correram seguranças para cobri-la com algo, seu irmão mesmo saiu como um míssil ao seu auxílio.

Naquele momento em que todos correram para protegê-la daquele constrangimento, ela levanta a mão, que estava coberta pela sua capa preta, para cima e dá um tiro, sim, um tiro, ela estava com um revólver carregado, era um básico 38 prateado, e sabia atirar, em uma mão um microfone, em outra uma arma, ela ecoa sua voz pelo ambiente, onde todos estão pasmos e meio agachados por causa do medo de levar uma bala, de sua voz sai: “calados! Eu quero falar, e vocês irão me ouvir!”.

Não se ouve mais um bochicho sequer, todos queriam saber o que iria dizer aquela que foi a maior princesa que a cidade já teve, herdeira com honras de sua mãe.

E começa ela a dizer: “vocês todos estão aqui para a minha festa de quinze anos, para a minha festa, melhor oportunidade eu não teria na vida como esta que estou tendo aqui, sei que vocês não sabem, a não ser minhas amigas, até os meus doze anos este era meu vestido preferido, foi presente de minha mãe, eu queria muito ele, ela me deu, mais bonito eu não tinha visto, acho que minha mãe me fez este agrado para que eu não ficasse tão chateada com as carícias incômodas que meu pai me fazia, com as vezes em que eu ficava muito irritada quando meu pai abria a porta do banheiro para me ver tomar banho, até esqueci um pouco de meus problemas com este vestido, mas não durou muito, eu tinha doze anos e, um dia, meu pai chegou em casa e me pediu para tirar a roupa, e eu usava este vestido, eu disse que não tiraria, ele veio e me deu um tapa no rosto, minha mãe ouviu e correu ao meu socorro, ele deu um soco no estômago dela, chutou suas pernas, pegou-a pelos cabelos e levou até o quarto onde passou a chave, veio até mim, que chorava desesperada, me deu mais outros vários tapas na cara, acabou quebrando meu nariz, eu sangrei muito, muito mesmo….” a menina contava estas barbaridades chorando muito, mas tomando muito cuidado para que todos entendessem muito bem o que ela dizia “…. e ele me violentou, ele tirou minha virgindade, meu próprio pai, meu maldito pai, ele me comeu durante horas, gozou várias vezes em minha cara, em minhas costas, ele parecia um cão raivoso, me comia e me batia, ele se cansou, começou a chorar e saiu correndo, só ouvi o som da Ranger saindo a mil, eu estava em estado de choque, toda desgraçada por Deus no chão da sala, e chegou meu irmão, não foi, Roberto? Ele me viu lá naquele estado, me olhou com enorme cara de susto, veio me abraçar, começou a dizer que tudo iria passar e que me amava, começou a acariciar meus seios, me masturbar, e eu, sem voz de tanto gritar, dizia: não, por favor não, ele não deu a mínima, ele chorava também, mas tirou a roupa e abusou de mim também, não me bateu, nem precisava eu não tinha nada de forças, meu irmão também me desgraçou, e neste dia eu estava com este vestido”.

O povo estava boquiaberto, era difícil assimilar aquelas sandices todas, era muita bizarrice para poder ser verdade, as pessoas começaram seus bochichos novamente, olhando para Eustáquio e Roberto que choravam muito.

Susto! Um novo tiro para cima, e voltou o silêncio, Clarisse volta a falar: “pai, Roberto, venham até aqui”. Os dois olham entre si, temerosos, mas vão até ela. “Ajoelhem-se!”Eles ajoelham. “Não eram este corpo que vocês queriam?”. Ela tira a roupa toda e ficou toda nua no salão. “Eu não sou cristã, mas quero muito, de todo coração, que vocês se fodam com o capeta!” E ela atira na cabeça de seu pai e irmão, as pessoas gritam assustadas, correm para fora, como a festa estava lotada, pessoas são pisoteadas sem dó, mas mesmo assim o salão começa a esvaziar, Clarisse pega seu 38, enfia em sua boca apontando rumo ao seu cérebro, começa a chorar como uma criança, e aperta o gatilho.

Correções de Thais Simas Machado.

Brasil Séc. XXI

Trabalhadores, Pobres, Desempregados, Classe C D e E, Continuam Sendo Moedas de Troca e Sem Representação!!!

 

Hoje quis escrever sobre uma reflexão que costumo fazer mas não externo em boas conversas, infelizmente onde moro hoje conheço pouquíssimas pessoas que possam levar este tipo de conversa, e meus amigos que poderiam me ajudar a aprender mais sobre estas questões, estão morando muito longe.

A maioria populacional de quase todos os países é formada por pobres, uns mais e outros menos pobres (enquadro dentro de pobre também os miseráveis), desde a antiguidade estes mesmos não tinham direito a voz, então eram destratados e não precisavam de qualquer explicação sobre atos das pessoas que os representavam.

Ser cidadão não era pra qualquer um, era um status dado as pessoas que tinham um certo poder dentro da sociedade onde se encontravam, intelectual, religioso, e com muita certeza, de propriedades, o resto era resto, neste contexto de resto estavam também as mulheres.

Caso um cidadão não olhasse por estas pessoas, nada os favorecia.

De forma menos técnica, quem não tinha poder não tinha voz.

Na Idade Média, a religião Cristã havia se propagado de forma intensa pela Europa e estendia seus braços para outros continentes.

A época também conhecida como Idade das Trevas, excluía totalmente aquele que não fosse nobre, tivesse um título de nobreza, ou que não fosse clérigo.

Desta maneira, eram poucas as chances de poder escapar de uma miséria forte e insalubre, como na época, para os que nasceram camponeses, ou virava um grande soldado de guerra e conquistava um título de cavaleiro ou tentava o sacerdócio nos mosteiros.

Quando nas estúpidas “guerras santas”, os camponeses eram sempre jogados a frente, para servirem de escudo para cavaleiros e clérigos. Camponês conseguir um título de cavaleiro era algo muito difícil.

Em suma, passados os anos, a plebe com o apoio da burguesia, que tinha interesse em poder prosperar, começaram a ter acesso a novas idéias, idéias além daquele Deus opressor, cruel, hitlerista, muito devido ao estudo dado aos filhos burgueses, surgindo assim iluministas e pouco antes o apoio a Reforma Protestante, com a intenção clara de poder acumular seus ganhos.

Várias revoluções e revoltas ocorreram, a maior e fundamental para nossa História Mundial foi a Revolução Francesa.

Cabeças rolaram literalmente, e começou a se discutir os Direitos Humanos, ali os pobres estavam sendo pensados, estavam podendo, em termos, opinar.

Junto a Revolução Industrial a a migração da população para os centros urbanos, a pobreza se mostrou de forma mais parecida com o que vemos hoje.

Mendicância, marginalização, ébrios, os empregados já tinham jornadas de trabalho extensivas, sem idade mínima ou máxima para fazer qualquer tipo de trabalho. Sem períodos de descanso, sem proteções para o trabalhador.

Iniciou-se então movimentos pelos direitos dos trabalhadores e movimentos de distribuição igualitária de renda para todos (Socialismo e Comunismo).

Os trabalhadores começaram aos movimentos de greve, foram espancados, presos, marginalizados e perseguidos.

Por sua representação de maioria física, ganharam espaços, ganharam guerras, conquistaram direitos.

Grandes lideres trabalhadores se formaram, as idéias em favor aos trabalhadores começaram a ser mais desenvolvidas, e desta forma, interpretadas em várias correntes doutrinárias.

Ocorre que, onde estes Lideres dos pobres conseguiram chegar ao poder, cumpriram a risca todos os passos dos porcos de A Revolução dos Bichos de George Orwell (se referindo a obra União Soviética Comunista como sátira). Em a Revolução dos Bichos, os animais de uma fazenda, cansados de serem explorados, mal tratados e sem alimentação, resolvem se rebelar, usando como base os ensinamentos de um porco idoso que reclamava por justiça, depois de tomarem o poder, já o porco idoso morto, eles criam um governo de bichos, e neste governo quem manda é um porco mais novo, ajudados por seus amigos também porcos, que passado algum tempo começam a explorar o trabalho dos outros animais para enriquecerem, criando um novo ciclo de exploração aos animais.

No Brasil a coisa não anda muito diferente, os direitos de organização dos trabalhadores no Brasil, bem como benefícios trabalhistas, foram dados apenas e tão somente como forma de controle desta massa, com o intuito de segurar uma revolução interna.

Depois com a mudança de rumo da governabilidade no Brasil através da Ditadura Militar, os trabalhadores do país, junto aos estudantes e intelectuais ligados as massas foram as ruas lutar por direito a voz e de decisão do rumo do país.

Culminou na desistência dos militares de continuarem o regime graças a grande pressão internacional.

Pobres, miseráveis, desempregados, trabalhadores brasileiros começaram a ter voz e direito ao voto direto por suas lideranças, agora de fato, e os grandes nomes da luta contra o regime opressor começaram a ter estes votos a seu favor. Conseguiram prefeituras, cadeiras de vereadores, de deputados, senadores, passaram a administrar cidades com base em um ideal de justiça social, de honestidade, e conseguiram muito apoio por pregar o mal caratismo do rico em detrimento ao pobre.

Então todos os tipos que não pertenciam a high Society brasileira começaram a perder a desconfiança dos governos populares e se uniram em nomes que representavam esta luta pela justiça social.

 Estes nomes chegaram as presidências, aos governos de estados e notou-se que os trabalhadores e pobres ganharam alguma coisa, mas do que antes, menos que o esperado.

A pior parte é que os mesmo estão vendo ocorrer novamente a concretização de A Revolução dos Bichos.

Seus representantes escolhidos para governar o país e os estados da federação, que têm a mesma origem pobre e trabalhadora, agora priorizam negociações com grandes empresários, negociações escusas, desviam dinheiro de contribuições obrigatórias de todos os brasileiros para seus interesses partidários, se enriquecem a custa do voto nas idéias que foram deixadas para trás.

Infelizmente a massa trabalhadora, pobre e desempregada só serve como garantia de boa vida para aqueles que um dia fizeram parte da mesma.

O PODER CORROMPE!!!

 

Pensamento!!!

O Que Eu Prefiro Ser!!!

 

Um velho sábio passou 7 anos recebendo visitantes no alto do monte onde morava dando conselhos.
Sobre relacionamentos, sobre negócios, sobre saúde e etc.
As pessoas sobiam aquele alto monte e lhe davam comida, das melhores que se possa imaginar, e pratos sempre prontos.
Afinal ele não dizia frases de mago de araque como: “existem verdades mais verdadeiras que a própria verdade” como um certo Coelh…o de sorte, ele desvendava altos enígmas nas vidas do povo.
Tinha discípulos para arrumar sua casa, administrar o dinheiro que ganhava em doações
Certo dia o sábio uma vez foi visitado por uma menino.
O menino queria lhe fazer uma pergunta, tanto quis que fez.
“Ó velho sábio, qual o sentido da vida?”
O velho olhou pra ele e disse: “Você já me mandou flores?”
O menino: “não”
“já me convidou pra jantar” perguntou o sábio
o menino “não”
“Então porque vc quer me foder?!” e gritou raivosamente o sábio.
Desta forma o menino foi acusado pelo sábio de espalhar mentiras e de possuir uma energia maléfica e negativa.
O menino foi expulso do paraíso e o sábio foi apontado como um herói que salvou o povo do menino satã.

Temos sábios demais no mundo.
Eu adoro ser Menino Satã

Tadj Mahhal

Nova Poesia!!!

Hoje é Sexta!!!

É sexta,

Por sorte é sexta!

Depois te tanto a semana insistir em ser tão chata, é sexta

Depois de tanta chuva,

É sexta

Depois de tantos padres jesuítas cantarem em seu retiro construído pelas mãos de índios escravos,

Hoje é sexta

Depois de bolsa cair, ouro subir,

Hoje é sexta

Hoje a cerveja tem melhor sabor, pois hoje é sexta!!!

 

Tadj Mahhal

Um Lindo Dia Para Morrer

Veja abaixo o diálogo com o atendimento on-line do Santander, feito hoje de manhã (dia 25/março/2011) e tomem suas próprias conclusões:

obs: o chat é ruim, ele trava as letras quando você digita, e ocorrem outras coisas inexplicáveis durante as conversas onde você fica travado e não consegue digitar nada, vocês conseguiram ver também pelo tempo que levo para responder algumas coisas.

10:27:44 Produtos: Seu tempo estimado de atendimento é 14 segundos
10:28:30 Baydir: Sr/Sra Djalma Antonio da Silva Junior, em que posso ajudar?
10:28:36 Djalma Antonio da Silva Junior: bom dia
10:28:40 Djalma Antonio da Silva Junior: por favor
10:28:50 Djalma Antonio da Silva Junior: meu pai fez um depósito ontem pra mim
10:29:01 Djalma Antonio da Silva Junior: depósito feito às 15:57 – dia 24?03 – Local 033.3431 – Estação -Fr Transação: 0665494 – Terminal 0000152
10:29:06 Djalma Antonio da Silva Junior: de 50,00
10:29:17 Djalma Antonio da Silva Junior: e ainda não aparece nada aqui pra mim
10:29:25 Djalma Antonio da Silva Junior: e foi em dinheiro
10:31:07 Baydir: Estará dispnível até amanhã às 12:00
10:31:27 Baydir: A conferência desse envelope se dará hoje à tarde.
10:31:34 Baydir: Entra na compensação noturna.
10:31:55 Djalma Antonio da Silva Junior: só hoje de noite pra entrar?
10:32:21 Djalma Antonio da Silva Junior: ou seja, é melhor não depositar depois do horário do banco e sim depositar em horário de funcionamento
10:32:41 Baydir: Exatamente.
10:32:46 Djalma Antonio da Silva Junior: esta quebradoamanhã é sábado, e meu cartão
10:32:52 Djalma Antonio da Silva Junior: esta quebrado
10:33:02 Djalma Antonio da Silva Junior: só posso retirar no balcão
10:33:08 Djalma Antonio da Silva Junior: como eu faço
10:33:14 Djalma Antonio da Silva Junior: preciso do dinheiro hoje
10:33:24 Djalma Antonio da Silva Junior: foi uma baita correriasábado não abre nada
10:34:52 Baydir: Somente segunda conseguirá sacar.
10:34:56 Djalma Antonio da Silva Junior: ronunca vi nada assim com dinhei
10:35:06 Djalma Antonio da Silva Junior: no real nunca foi assim
10:35:16 Djalma Antonio da Silva Junior: porque esta piorando ao invés de melhorar?
10:35:25 Baydir: Sempre foi assim nunca mudou esse procedimento.
10:35:36 Baydir: Trablho no banco desde que era Real há mais de 6 anos.
10:35:37 Djalma Antonio da Silva Junior: undaa puta ainda diz que só posso retirar na seg
10:35:52 Baydir: Como não tem cartão, sim.
10:36:07 Djalma Antonio da Silva Junior: bem e eu sou cliente desde 2000
10:36:16 Djalma Antonio da Silva Junior: acho que antes
10:36:23 Djalma Antonio da Silva Junior: e nunca deu isto pra mim
10:36:50 Djalma Antonio da Silva Junior: nunca meu pai teve de depositar em horaío bancário em dinheiro pra eu poder retirar só dois dias depois
10:37:01 Baydir: Nos últimos 6 anos não mudou nada\. Você disse que mudou com a integração e isso fazwem 2 meses.
10:37:05 Baydir: Apenas para esclarecer.
10:37:17 Djalma Antonio da Silva Junior: não mudou este procedimento?
10:37:29 Djalma Antonio da Silva Junior: mudou com certezanunca tive este problema antes
10:37:36 Djalma Antonio da Silva Junior: e como eu disse, desde 2000
10:37:55 Djalma Antonio da Silva Junior: vai pra 11 anos
10:38:11 Baydir: Não, você disse que por ter virado Santander, mudou. Isso fazem 2 meses. Lhe disse que já há mais de 6 anos o procedimento não mudou.
10:38:28 Djalma Antonio da Silva Junior: não tive este problema ano passado
10:38:40 Djalma Antonio da Silva Junior: com depósito da minha mãe em ribeirão preto
10:38:58 Djalma Antonio da Silva Junior: tb não tive este problema em janeiro de 2009
10:39:12 Djalma Antonio da Silva Junior: depósito em Itajaí com saque em Ribeirão preto
10:39:22 Djalma Antonio da Silva Junior: data exata eu não lembro
10:39:27 Baydir: Que bom que não teve esse problemas nas situações que descreveu.
10:39:27 Djalma Antonio da Silva Junior: mas sei disto
10:39:43 Djalma Antonio da Silva Junior: ótimo, por isto sei que houve mudança
10:39:59 Baydir: Posso ajudar com mais informações, Djalma?
10:40:16 Djalma Antonio da Silva Junior: sim
10:40:24 Baydir: Prossiga, por favor.
10:41:07 Djalma Antonio da Silva Junior: o que justifica sta demora em cair 50,00 em uma conta poupança, em um depósito em dinheiro? quais os procedimentos que fazem com que tenha de levar todo este tempo?
10:41:44 Baydir: Não ter sido feito no guichê do caixa e/ou dentro do expediente bancário.
10:41:52 Djalma Antonio da Silva Junior: nav tem ai mais 50,00?
10:42:00 Djalma Antonio da Silva Junior: pra depositar na boca do cixa?
10:42:29 Djalma Antonio da Silva Junior: ops,
10:42:37 Djalma Antonio da Silva Junior: tá, mas no que atrasa uma coisa ou outra?
10:43:24 Baydir: Guichê do caixa é na hora. No caixa eletrônico é conferido somente no final da tarde.
10:43:47 Djalma Antonio da Silva Junior: final da tarde de ontem pra hoje, depósito efetuado as 15:45
10:44:04 Djalma Antonio da Silva Junior: o que faz demorar com que a informação chegue até ao banco?
10:44:18 Baydir: Você disse 15:57, agora é 15:45?
10:44:38 Djalma Antonio da Silva Junior: ops, então éeste anterior
10:44:50 Djalma Antonio da Silva Junior: copiei a mensagem escrito no bilhete de depósito do meu pai
10:45:02 Baydir: Fica registrado o horário que foi depositado em sistema. Pode conferir com precisão pela nossa central.
10:45:06 Baydir: Capital e Regiões Metropolitanas: 4004-3535 Demais Localidades: 0800 702 3535 24h por dia, 7 dias por semana
10:45:33 Djalma Antonio da Silva Junior: mas o que faz a demora no envio de informações para demorar tanto?
10:46:12 Baydir: Não ser online. Precisa um funcionario do banco no final da tarde abrir o envelope, cconferir as informações e lançar no sistema.
10:46:40 Djalma Antonio da Silva Junior: e ele demora mai de8 horas pra isto?
10:46:58 Baydir: Se feito dentro do expediente bancário, entra no dia seguinte até às 12:00. Depois, somente 2 dias depois até às 12:00
10:47:11 Baydir: Sim, mais de 8 horas.
10:47:23 Djalma Antonio da Silva Junior: são funcionários com necessidades especiais?
10:47:25 Baydir: Posso ajudar em algo mais, Djalma?
10:47:57 Djalma Antonio da Silva Junior: vc não me respondeu
10:48:46 Baydir: Não sei lhe dizer não conheço os funcionários da agência em que foi feito o depósito, temos milhares de agências no Brasil inteiro, Djalma.
10:49:42 Baydir: Impossível saber se o funcionário que faza conferências em uma de nossas agências de uma de nossas cidades, de um de nossos estados, no Brasil tem necessidades especiais.
10:49:47 Djalma Antonio da Silva Junior: sistema do banco?com milhares de agências, o que pode se dizer que sejam milhares de funcionários, como ´pe possível que eles levem mais de oito horas ra dizer que entrou 50,00 em dinheiro em uma conta pro
10:49:54 Djalma Antonio da Silva Junior: banco?
10:50:29 Baydir: É como lhe passei no procedimento, Djalma. Jpa lhe respondi esse pergunta sobre as mais de 8 horas.
10:50:36 Baydir: Posso ajudar em algo mais?
10:50:55 Djalma Antonio da Silva Junior: bem, vc não sabe responder sobre esta demora toda, certo?
10:51:15 Baydir: Sim, lhe respondi acima, detalhadamente.
10:51:26 Baydir: Possui alguma outra dúvida?
10:51:40 Djalma Antonio da Silva Junior: spondeu o procedimento do banco, mas não as razões que levam a tal procedimentore
10:52:08 Djalma Antonio da Silva Junior: minha dúvida ainda é esta, não esta esclarecida
10:52:24 Baydir: Expliquei sim, vou responder novamente:
10:52:27 Baydir: “Não ser online. Precisa um funcionario do banco no final da tarde abrir o envelope, cconferir as informações e lançar no sistema.”
10:52:35 Baydir: Ficou ainda alguma dúvida?
10:52:52 Djalma Antonio da Silva Junior: ainda nabrto nã porqua
10:53:06 Baydir: Não entendi, desculpe.
10:54:06 Baydir: Recebeu minha mensagem?
10:54:44 Djalma Antonio da Silva Junior: me disse apenas sobre o procedimento, mas não me explicou porque o funcionário do banco leva mais de oito horas pra entender que dentro de um envelope tem 50,00reais
10:54:58 Djalma Antonio da Silva Junior: pra mi e mandar a informação para o sistema do banco
10:56:28 Baydir: O porque de levar mais de 8 horas é justamente o procedimento. Por procedimento ele vai no final de tarde e confere os depósitos para lançar em sistema. E não na hora que você faz, online. Para essa opção tem o guich~e do caixa.
10:57:08 Baydir: Não existe caixa eletrônico em nenhum banco do Brasil ou do mundo que faz depósitos na hora, sem conferência HUMANA do envelope.
10:57:18 Baydir: Desculpe, mas foi o que sugeriu e isso não existe.
10:57:47 Baydir: Se quer online, deve passar pelo guichê do caixa, aí sim um funcionário confere na hora seu depósito e lança o valor em conta.
10:57:54 Baydir: Posso ajudar em algo mais?

11:00:32 Djalma Antonio da Silva Junior: mas vc nã sabe responder, apenas que existem estes procedmentos
11:00:35 Djalma Antonio da Silva Junior: obrigado
11:01:13 Baydir: Os envelopes até 16:00 são recolhidos. Muito provavelmente seu depósito entrou depois das 16:00 (por isso disse para ligar para central e confirmar o horáriod e sistema) logo, é como se tivesse depositado hoje de manhã.
11:01:28 Baydir: Ou seja, seu envelope ainda pode estar na máquina neste exato momento.
11:02:03 Baydir: Por isso conseguirá sacar sem cartão apenas segunda-feira.
11:02:11 Baydir: Possui mais alguma dúvida, Djalma?

11:00:32 Djalma Antonio da Silva Junior: mas vc nã sabe responder, apenas que existem estes procedmentos
11:00:35 Djalma Antonio da Silva Junior: obrigado
11:01:13 Baydir: Os envelopes até 16:00 são recolhidos. Muito provavelmente seu depósito entrou depois das 16:00 (por isso disse para ligar para central e confirmar o horáriod e sistema) logo, é como se tivesse depositado hoje de manhã.
11:01:28 Baydir: Ou seja, seu envelope ainda pode estar na máquina neste exato momento.
11:02:03 Baydir: Por isso conseguirá sacar sem cartão apenas segunda-feira.
11:02:11 Baydir: Possui mais alguma dúvida, Djalma?

11:00:32 Djalma Antonio da Silva Junior: mas vc nã sabe responder, apenas que existem estes procedmentos
11:00:35 Djalma Antonio da Silva Junior: obrigado
11:01:13 Baydir: Os envelopes até 16:00 são recolhidos. Muito provavelmente seu depósito entrou depois das 16:00 (por isso disse para ligar para central e confirmar o horáriod e sistema) logo, é como se tivesse depositado hoje de manhã.
11:01:28 Baydir: Ou seja, seu envelope ainda pode estar na máquina neste exato momento.
11:02:03 Baydir: Por isso conseguirá sacar sem cartão apenas segunda-feira.
11:02:11 Baydir: Possui mais alguma dúvida, Djalma?

aqui em baixo  saiu-se antes que eu conseguisse responder: “boa tarde”, pois não conseguia digitar nada, ficava travado.